Jornal Dia a Dia, Março 2018

Celebre a Semana Santa usando o PedidosJá

Un caso muy cotizado: asistente personal saca la revisión técnica en sólo dos horas.

(Leia Mais)


Comida na mesa, Fevereiro 2018

Chef Rodrigo Albano ensina o passo a passo da salada que ajuda a recuperar o organismo

Chef Rodrigo Albano, em parecia com o PedidosJá, preparou uma receita de salada para ajudar o seu corpo a se recuperar do exagero nas bebidas alcoólicas e nos alimentos gordurosos ingeridos no carnaval.

(Leia Mais)


Gastromania, Novembro 2017

PESQUISA: brasileiros estão consumindo alimentos mais saudáveis


Segundo app PedidosJá, 44% dos pedidos realizados pela plataforma nos últimos meses apresentavam esta demanda

(Leia Mais)


Investimentos e Notícias, julho de 2017

Delivery Hero faz IPO avaliado em 4,5 bilhões de euros


Com abertura de capital na Bolsa de Frankfurt, empresa viu suas ações subirem 5,5% sobre valor previsto inicialmente
(Leia mais)


Investimentos e Notícias, julho de 2017

Delivery Hero faz IPO avaliado em 4,5 bilhões de euros


Com abertura de capital na Bolsa de Frankfurt, empresa viu suas ações subirem 5,5% sobre valor previsto inicialmente
(Leia mais)


E Commerce Brasil, março de 2017

Delivery de comida: por que apostar nos marketplaces?


Há pouco mais de cinco anos, solicitar a entrega de uma pizza ou um combinado de comida japonesa sem realizar uma ligação telefônica era algo praticamente impensável. Na época, poucos restaurantes contavam com plataformas digitais próprias para receber os pedidos e os apps de delivery ainda davam seus primeiros passos no Brasil.

(Leer mais)

Folha FM, março de 2017

As formas mais tecnológicas (e preguiçosas) de pedir pizza


Pedir pizza não é um processo difícil. Você pode ir até uma pizzaria, ou fazer um telefonema, ou usar apps de entrega como iFood e PedidosJá. Mas a tecnologia insiste em facilitar o que já não é exatamente um problema.

(Leia mais)


E Commerce Brasil, março de 2017

Delivery de comida: por que apostar nos marketplaces?


Há pouco mais de cinco anos, solicitar a entrega de uma pizza ou um combinado de comida japonesa sem realizar uma ligação telefônica era algo praticamente impensável. Na época, poucos restaurantes contavam com plataformas digitais próprias para receber os pedidos e os apps de delivery ainda davam seus primeiros passos no Brasil.

(Leer mais)


 

Kit de Imprensa

 

Mais informações

 

pdf-icon

Sobre o PedidosJá

zip-icon

Material Corporativo

Fefa

Federica Hampe

Head of Communications
[email protected]